Você tem ideia do quanto uma simples adaptação pode trazer resultados inestimáveis à sua fazenda? Um bom bebedouro muda o desempenho do gado de forma que você possivelmente nem imagina.

Hoje, o mercado está cada vez mais competitivo e aqueles que continuam apostando em equipamentos e instalações convencionais provavelmente não conseguirão o diferencial necessário para ganhar espaço no setor.

Ainda há, infelizmente, a mentalidade de que investir em algo novo sendo que o antigo ainda está funcionando é um gasto de dinheiro, entretanto, isso é um grande equívoco (como você vai entender melhor ao decorrer desse artigo).

Como um bom bebedouro muda o desempenho do gado da sua fazenda

Antes de explicar como um bom bebedouro muda o desempenho do gado, faz-se uma pergunta: como eu disponho água para os meus animais? Normalmente as fazendas contam com bebedouros rústicos e, também, lagos ou bacias de decantação.

As bacias de decantação são depósitos de águas provenientes do acúmulo de água da chuva. As chuvas são direcionadas por gravidade em buracos abertos por escavadeira ou equipamentos semelhantes.

É um método extremamente barato e utilizado nos períodos de chuva, já que na seca a bacia não se mantém.

Essa estratégia é muito prejudicial, pois o gado acaba tomando água de péssima qualidade. Muito provavelmente há o carregamento de material particulado contaminado caso haja lavoura nas proximidades.

Obviamente, a chance dos animais ficarem doentes é muito grande. E, como você pode imaginar, quando o gado não está bem de saúde isso significa maiores gastos (com veterinário, medicamentos e, também, ocorre o maior custo de produção).

Esse é um dos motivos mais básicos para entender como um bom bebedouro muda o desempenho do seu gado!

Um bom bebedouro muda o desempenho do gado que se hidrata em lagos, mas e o bebedouro convencional?

Entender como um bom bebedouro muda o desempenho do gado caso ele se hidrate em lagoa ou bacias de decantação é relativamente fácil, mas, talvez, você esteja se perguntando qual o problema dos bebedouros convencionais.

Afinal, são os funcionários que reabastecem os bebedouros com água (que deve ser minimamente tratada), não é mesmo? Apesar de parecer uma solução totalmente eficaz, há um detalhe a se atentar: higienização.

Os bebedouros físicos são difíceis de limpar e quem trabalha no dia a dia de uma fazenda sabe que a realidade dessa higienização é que, infelizmente, ela não ocorre com frequência.

A qualidade da água não atende os padrões desejados e o gado sofre com isso. Muitas vezes eles não chegam a contrair uma doença propriamente dita e isso acaba mascarando as reais consequências da água suja, pois os responsáveis passam a acreditar que o gado está bem.

Mas, no final das contas, o que ocorre? Uma pesquisa realizada em 2002 mostrou que os animais que tomavam água de má qualidade tinham sérias dificuldades de ganhar peso. Ou seja, é gasto muito mais dinheiro por arroba.

E é justamente aí que entra como bom bebedouro muda o desempenho do gado: os animais não ficam doentes e passam a ganhar peso de acordo com as melhores expectativas.

Conheça o bebedouro basculante da Panucci

A Panucci desenvolveu um bebedouro basculante, que facilita muito sua limpeza. Então, em apenas alguns minutos é possível higienizá-lo e reabastecê-lo.

Essa simples solução fará uma grande diferença no desenvolvimento do gado, promovendo maior produtividade e lucratividade.

Sabendo como um bom bebedouro muda o desempenho do gado, conheça os bebedouros basculantes da Panucci. No site você também encontra uma série de outras soluções para as estruturas de sua fazenda e para o seu gado.