Se você é fazendeiro, já trabalha ou pretende trabalhar com animais, então provavelmente já sabe que precisa ter cochos em sua fazenda para alimentar o gado.

A função dele é armazenar a alimentação do gado, mas seu objetivo vai muito além disso. Quem preza por uma boa cria, sabe que é necessário fornecer a quantidade de comida e nutriente ideal, além de saber de quanto em quanto tempo reabastecê-los.

Caso você ainda não esteja totalmente familiarizado com o assunto, ou quer aprender boas práticas para melhorar o bem-estar animal (e ainda agregar valor ao seu gado), a seguir elencamos diversas dicas sobre cocho.

Tudo o que você precisa saber sobre cochos

Planeje os cochos de acordo com a sua fazenda

Os cochos devem ser planejados de acordo com cada fazenda e levando em consideração as características do gado. Antes de adquirir o produto, atente-se:

  • Altura

A altura do cocho varia de animal para animal, então é importante fazer uma média do gado antes de definir qual será a medida. Há a melhor conservação da qualidade nutricional quando o cocho fica acima do solo.

É claro que é importantíssimo fazer com que a altura seja adequada a todos os animais de forma confortável. E ao mesmo tempo não podem ficar muito baixos, pois podem se contaminar com fezes, sujeira e semelhantes.

Quando há grupos com bezerros, por exemplo, normalmente os cochos ficam cerca de 50 cm do solo e é preciso colocar a proteção superior para que não haja “briga” por espaço.

Quando o lote é somente para recria, então é mais adequado apostar em alturas de 60 a 70 cm. Já em pastos de engorda, que só possuem animais adultos, uma distância de 1 m é suficiente.

  • Acesso

De nada adianta realizar instalações ideias se o gado não consegue ou tem dificuldades em chegar até os cochos. Então, sempre se certifique que o local é adequado e de fácil acesso.

Dicas para alocação dos cochos

Ainda temos outras dicas para você estudar o melhor local para instalar os seus cochos, confira:

  • Não coloque em locais que retenha muita água, pois ficará com muita lama na chuva. Prefira terrenos com uma leve declividade

  • A região deve ter um solo propício, sem pedras, pedregulhos ou qualquer outra coisa que atrapalhe a movimentação

  • A cerca deve ficar distante cerca de 15 metros

Além disso, preza pelo espaço no cocho, buscando uma distribuição homogênea das cabeças de gado. Isso evita o estresse dos animais e também garante que eles se alimentem da forma correta.

Estratégia nutricional

É imprescindível desenvolver uma estratégia nutricional. Há algumas modalidades que podem ser consideradas, como:

  • Consumo auto regulado – Sais

Os produtos são consumidos de forma auto-regulada e costuma ser de até meio quilo por animal. O espaçamento entre as cabeças fica entre 5 a 15 cm para que a alimentação ocorra de forma adequada.

 

  • Consumo preestabelecido – Rações

Aqui também é estipulado um valor para cada animal e também costuma ser meio quilo por cabeça. Entretanto, o espaçamento pode variar de 30 a 50 cm entre cada animal.

Sobre o espaçamento, ele é muito importante nos cochos. A distância entre uma cabeça e outra irá ditar o seu comportamento.

Quando mal estruturados, os animais não seguem o planejado e isso traz várias consequências para o peso e saúde do gado. Então, planeje muito bem a disposição e o regime nutricional do lote, sempre avaliando as questões pontuais de sua fazenda.

Agora, nossa última dica, mas não menos importante, são os cochos da Panucci, uma marca que atua há anos no mercado pecuário, promovendo soluções de ótimo custo x benefício que proporcionam resultados incríveis à fazenda!